23 junho , 2023

Recursos Humanos: gestão de talentos e aprimoração de resultados

Recursos Humanos: gestão de talentos e aprimoração de resultados Por Alessandra Xavier de Oliveira Coelho

Por Alessandra Xavier de Oliveira Coelho

Advogada. Sócia e Diretora Administrativa da Jacó Coelho Advogados. Licenciada em Pedagogia. Pós-Graduação em Formação de Professores pela Pontifícia Universidade Católica de Goiânia (PUC-GO). MBA de Gestão Jurídica de Seguros e Resseguros. MBA em Liderança Integral e Gestão Organizacional – Franklin Covey, Instituto de Pós-Graduação e Graduação de Goiânia (IPOG-GO).

 

 

No mês de junho, celebramos o Dia do Profissional de Recursos Humanos, profissão valiosa dentro de uma empresa, responsável pela gestão de seus colaboradores. Levando-se em consideração que o capital humano é a principal riqueza de uma corporação, é possível deduzir que o sucesso de uma organização está intimamente ligado a ações pontuais de uma equipe de RH competente e qualificada, que tenha uma visão holística e humanizada.

Uma boa equipe de Recursos Humanos certamente é composta por indivíduos que pensam fora da caixa, que sabem avaliar as necessidades e expectativas do outro, buscando soluções que vislumbram o crescimento tanto dos colaboradores quanto dos empregadores. Há quem pense que o RH atua somente na seleção de novos profissionais, mas o cuidado é integral, analisando e prospectando o contratado como peça fundamental para a vitória de todo o time.

Sendo assim, além de uma seleção assertiva de novos membros da empresa, o setor de RH terá condições técnicas e conhecimento para integrar o novo colaborador, apresentando suas funções e levantando as expectativas da empresa com a nova contratação. Também será o RH que promoverá treinamentos periódicos dos trabalhadores, além de promover avaliações de desempenho que concluirão se os processos estão sendo bem desenvolvidos para alcançar os objetivos da empresa.

Por meio destas avaliações e acompanhamento das atividades laborais, a equipe de Recursos Humanos estará atenta aos novos talentos. Também terá condições de propor movimentações de cargos e funções, atendendo às necessidades da empresa, preservando e estimulando a capacidade de cada trabalhador em buscar o seu crescimento e desenvolvimento a cada dia.

Aliás, um colaborador motivado estimula o rendimento e promove um clima organizacional favorável. O Recursos Humanos é chave para este ambiente institucional agradável, pois promove ações que quebram a rotina e realçam a importância de todos os integrantes. O sentimento de pertencimento e valorização surge exatamente dos pequenos detalhes que demonstram o cuidado da organização com a saúde física e mental de seus trabalhadores. Celebração de aniversários, confraternizações em datas comemorativas, palestras e workshops são ações que refletem a humanidade da instituição.

Assim, não basta, por exemplo, um escritório de advocacia ter bons advogados. A capacidade técnica dos trabalhadores não é suficiente para o bom desempenho e alcance dos melhores resultados. Um colaborador deve ser avaliado como um todo que envolve conhecimento, habilidade e emoção. Apenas um setor qualificado de RH conseguirá extrair o melhor da equipe, que trabalhará com toda a sua essência e potência.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Leia mais publicações

Screenshot 2024-02-22 at 17-13-54 Escolha do regime de bens para maiores de 70 anos vulnerabilidade ou autonomia - Rota Jurídica

Escolha do regime de bens para maiores de 70 anos: vulnerabilidade ou autonomia?

Screenshot 2024-02-22 at 17-11-10 Locação de imóveis por airbnb até que ponto vai restrição condomínio - Migalhas

Locação de imóveis por Airbnb: até que ponto vai o poder de restrição do condomínio?

Screenshot 2024-02-22 at 17-08-36 Redução de jornada de trabalho sem perda financeira - Migalhas

Redução de jornada de trabalho sem perda financeira pode ser uma realidade no Brasil?

Locação de imóveis por Airbnb

Locação de imóveis por Airbnb: até que ponto vai o poder de restrição do condomínio?

Escolha do regime de bens para maiores de 70 anos: vulnerabilidade ou autonomia?

Escolha do regime de bens para maiores de 70 anos: vulnerabilidade ou autonomia?

Captura de Tela 2024-02-09 às 08.48.25

Carla Freitas ao vivo no jornal da Puc Tv

Acompanhe-nos no instagram

Esta mensagem de erro é visível apenas para administradores do WordPress

Erro: nenhum feed com a ID 1 foi encontrado.

Vá para a página de configurações do Instagram Feed para criar um feed.